Biblioteca do TRT5: além de livros jurídicos, obras de ficção e arte para todos os gostos


Seção de lazer inclui um catálogo com obras de literatura estrangeira e brasileira

Além das diversas obras da área jurídica, como dicionários especializados, revistas científicas, folhetos e volumes voltados para áreas do Direito, a Biblioteca Ministro Coqueijo Costa, em Nazaré, dispõe de livros de ficção que agradam a magistrados, servidores e estagiários. Dos 25 mil títulos do acervo há uma seção dedicada à literatura, bem representativa, que inclui romances clássicos, brasileiros, fantasy, best sellers e livros de fotografia e arte  (veja exemplos abaixo). Nesta época de verão e férias, a pedida pode ser colocar uma obra na mochila e aproveitá-la na praia, na fazenda ou no parque.

A seção de lazer é buscada principalmente por estagiários, inclusive de nível médio, que procuram leituras para auxiliar nos exames e vestibulares ou até mesmo para passar o tempo. Para emprestar um dos itens é necessário realizar um cadastro com o número da matrícula. O registro permite que os usuários renovem os empréstimos de forma online, reservem o material previamente e tenham acesso ao acervo de duas bibliotecas digitais com mais de quatro mil obras disponíveis, no site da Biblioteca (https://biblioteca.trt5.jus.br/).

ATENDIMENTO - O atendimento é feito diariamente, das 8h às 17h. Além dos empréstimos diretos, as obras também são enviadas para outras unidades da capital e interior, sempre por malote. As reservas feitas dessa forma devem ser um dia antes do despacho e são aceitas somente até as 16h, também é possível verificar os dias da semana em que cada região receberá os pedidos, clicando neste link.

“Os livros são emprestados por até sete dias e os usuários podem renovar duas vezes um único título, totalizando 21 dias. Também pode-se levar até quatro exemplares por vez. O mesmo vale para servidores que já estão aposentados e querem uma das obras", explica Almerinda de Sousa, chefe da Biblioteca.


Almerinda é uma das responsáveis por registrar e catalogar cada item, além de promover a divulgação de novas aquisições

Em 2018, entre os maiores leitores que frequentaram os espaços e reservaram materiais estiveram, em primeiro lugar, os servidores e estagiários de ensino superior, que pesquisaram sobre direitos trabalhistas e leis. Aquiles Mascarenhas, que atua no Centro de Conciliação (Cejusc), é um dos leitores mais assíduos da Biblioteca. “Costumo buscar por livros didádicos, voltados para a área do Direto, já que leciono, e gosto muito de fazer pesquisas com autores diferentes, até mesmo para complementar os artigos que escrevo. A biblioteca é bem atualizada e isso faz com que eu reserve os livros quatro ou cinco vezes em um único mês", conta o servidor, que diz já ter visitado algumas vezes a seção da biblioteca digital, mas prefere folhear as páginas físicas.


Aquiles faz buscas semanais nas prateleiras da biblioteca e utiliza diversos autores para complementar seu trabalho

ACESSIBILIDADE – Versões adaptadas de alguns títulos são disponibilizadas para os usuários com deficiência visual ou cegos. As obras em Braille ficilitam a leitura e permitem uma maior inclusão no momento de buscar sobre a história do Tribunal, através dos livros, ou consultar normas e leis. Atualmente, o local conta com cinco exemplares nesse padrão.


As obras em braille são lidas da esquerda para a direita, com uma ou ambas as mãos. 

Confira abaixo uma lista com os principais autores e titulos da seção de lazer:

Autores brasileiros renomados:

As valkírias – Paulo Coelho

A arca das letras – José Francisco Borges

Divã – Martha Medeiros

Dom casmurro – Machado de Assis

Elas querem é falar – Nilza Rezende

Memórias póstumas de Brás Cubas – Machado de Assis

O coronel e o lobisomem – José Cândido de Carvalho

O menino no espelho – Fernando Sabino

 

Literatura estrangeira de sucesso:

As aventuras de Sherlock Homes – Arthur Conan Doyle

A cabana – William P. Young

Eu sou o número quatro – Pittacus Lore

Ilusões perdidas – Honoré de Balzac

O hobbit – J. R. R. Tolken

O menino do pijama listrado – John Boyne

Terra Sonâmbula – Mia Couto

1984 – George Orwell

 

Poemas e poesias:

A poesia era uma festa – Antonio Nonaque Marques

Cantares de Mar Egeu – Wagner Ribeiro

E assim por diante – Aldovandro Chaves

Flor de poemas – Cecília Meireles

Gabinete de curiosidades – Felipe Grimaldi

 

Para jovens e crianças:

A cama que sonhava - Carlos Queiroz Telles

Alice no país das maravilhas - Lewis Carrol

Como nasceram as estrelas – Clarice Lispector

Como sobreviver sendo menina – Emmanuelle Rigon

Gossip Girl - Cecily von Ziegesar

Marcelino Pedregulho – Jean-Jacques Sempé

Meu pé de laranja lima – José Mauro de Vasconcelos

O fazedor de velhos – Rodrigo Lacerda

O peixinho dourado – José Renato Veloso Lima

Secom TRT5 (Juliani Rodowanski, sob supervisão de Franklin Carvalho) - 14/1/2019